21 lugares inesquecíveis de Paris – Parte 1

Ah, Paris… Uma das cidades mais lindas que conhecemos! É o destino mais visitado do mundo. Navegador, você sabe quais são os lugares inesquecíveis de Paris que você precisa conhecer?

Fizemos uma lista para lhe ajudar a se organizar melhor com as infinitas atrações de lá!

Confira!

Para saber como chegar em cada um desses lugares e os seus horários de funcionamento, é só clicar aqui! (em breve)
Quer saber dicas de roteiro para Paris? É só clicar aqui! (em breve)

  1. Torre Eiffel

Este slideshow necessita de JavaScript.

Ícone da cidade, a Torre Eiffel é provavelmente a primeira coisa que alguém pensa ao escutar “Paris”. A construção foi erguida em 1889 pelo arquiteto Stephen Sauvestre, que se baseou nas ideias de Alexandre Gustave Eiffel. A torre caracteriza hoje um dos cartões postais mais conhecidos pelo mundo. Você sabia que do por do sol até 1 hora da manhã a torre se acende e brilha, iluminando os céus como uma moça vestida em belos vestidos? Daí vem seu apelido “A Dama de Ferro” (“The Iron Lady”, do inglês).

Curiosidade: A Torre Eiffel foi fortemente odiada por franceses, incluindo os artistas Guy de Maupassant e Alexandre Dumas. A construção só continuou devido seu uso para comunicação transatlântica via rádio. Ao contrário do que a população esperava, a torre hoje é um sucesso e atrai mais de 7 milhões de turistas por ano.

  1. Arco do Triunfo

Este slideshow necessita de JavaScript.

Foi inaugurado em 1836 pelo rei francês Louis-Philippe, criado em homenagem àqueles que lutaram e morreram pela França na Revolução Francesa e durante as Guerras Napoleônicas. Também é chamado em francês de Arc de Triomphe de l’Étoile (Arco do Triunfo da Estrela), por estar no cruzamento de 12 avenidas na Champs-Élysées. Nas superfícies internas e externas estão gravados os nomes dos generais e das vitórias francesas. De acordo com o seu site oficial, um soldado desconhecido da Primeira Guerra foi enterrado na base do Arco em 1921, dando lugar ao Túmulo do Soldado Desconhecido. Uma chama em sua lembrança é reacesa todo dia às 18h30.

Curiosidade: O Arco do Triunfo é bem maior do que parece! São 50 metros de altura, 45 metros de largura e 22 metros de profundidade.

  1. Pont des Arts

Este slideshow necessita de JavaScript.

A Ponte das Artes (também conhecida em francês como “Passarelle des Arts”) é uma ponte para pedestres construída sobre o Rio Sena, que conecta o Instituto da França (Institut de France, em francês) ao quarteirão central do Palácio do Louvre. Esta ponte é famosa principalmente pelos cadeados do amor que turistas prendem em suas laterais com seus nomes gravados neles. Para os românticos de plantão, o ritual envolve também arremessar as chaves no Rio Sena, como votos românticos e duradouros para seus relacionamentos.

Curiosidade: Infelizmente, no dia 01 de junho de 2015, os cadeados foram removidos devido aos riscos de desabamento que causavam sobre a ponte. Isso mesmo: eram tantos cadeados que o peso colocava em xeque a segurança dos turistas! Mas não se preocupe, a ponte em si continua preservada para fins turísticos e amorísticos. Dica: para os apaixonados, o novo local para cadeados é a Pont Neuf, logo ao lado!

  1. Catedral de Notre-Dame (Île de la Cité)

Este slideshow necessita de JavaScript.

A Catedral de Notre-Dame é uma das mais antigas catedrais francesas. Sua construção se iniciou em 1163 como homenagem à Nossa Senhora. A construção é impressionante por seu estilo gótico que se estende por 35 metros de altura. O interior possui lindos e enormes vitrais coloridos que resplandecem cores vivas pelo chão.

Curiosidade: A Catedral de Notre-Dame é cheia de mistérios. Ela foi construída segundo o número áureo, como Da Vinci o chamava, ou o número grego phi, o número de ouro. Sua arquitetura oferece calma e tranquilidade, talvez graças ao aroma do incenso (aromaterapia) feito de ervas e especiarias ou à luz penetrando através dos vitrais coloridos (cromoterapia).

  1. Sainte-Chapelle

Este slideshow necessita de JavaScript.

Sem dúvidas a Sainte-Chapelle foi minha maior surpresa de Paris. É uma capela gótica projetada em 1241 e consagrada em 1248, construída por Luís IX. O teto do seu primeiro andar é azul, decorado com flores de lis douradas, símbolo da monarquia francesa. Mas é o segundo andar que mais impressiona, com notáveis vitrais emoldurados por um delicado trabalho em pedra. As cores criadas pela luz do sol ao passar pelos grandiosos vitrais são assustadoramente lindas.

Curiosidade: A Sainte-Chapelle já foi um relicário valiosíssimo, por abrigar relíquias religiosas como um fragmento da Vera Cruz e a Coroa de Espinhos. Esta segunda foi comprada de Constantinopla por exorbitantes 135 mil libras (para comparar, a construção inteira da capela foi 45 mil libras). Por isso, o local foi alvo de depredação durante a Revolução Francesa. Na época, a capela foi transformada em escritório administrativo e os vitrais foram tapados com armários. Assim suas belezas foram escondidas e preservadas da destruição.

  1. Champs-Élysées

Este slideshow necessita de JavaScript.

A Avenue des Champs-Élysées é uma das ruas famosas do mundo, com seus cinemas, teatros, lojas de especialidades luxuosas e árvores de castanheiros-da-índia. Os primeiros projetos de construção de uma rua no local são de 1667 e hoje ela tem cerca de 1,9 km de comprimento, ligando a Place de la Concorde ao Arco do Triunfo. Recomendo muito caminhar na Champs-Élysées do início ao fim!

Curiosidade: Por ser tão luxuosa e famosa, os aluguéis de imóveis na Champs-Élysées chegam a € 1,1 milhão por ano para 92,9 metros quadrados de espaço. Ela ainda não é a avenida mais cara do mundo, já que a Bond Street, em Londres, lidera o ranking.

  1. Palácio de Versalhes

Este slideshow necessita de JavaScript.

O Château de Versailles (em francês) é um castelo real localizado na cidade de Versalhes, que costumava ser uma aldeia rural e hoje faz parte do subúrbio de Paris. É famoso por seus maravilhosos jardins e já foi casa da família real francesa.

Curiosidade: Considerado um dos maiores do mundo, o Palácio de Versalhes possui 2.153 janelas, 67 escadas, 352 chaminés, 700 quartos, 1.250 lareiras e 700 hectares de parque!

Você sabe qual é o maior castelo do mundo? Clique aqui e descubra!

  1. Praça da Concórdia

Este slideshow necessita de JavaScript.

É a segunda maior praça da França e a maior de Paris. Foi palco de importantes acontecimentos, como a sangrenta Revolução Francesa. Seu valor histórico é gigantesco para o mundo. No local existem prédios enormes e lindos, símbolos da arquitetura do século XVIII, que dão início à famosa Champs-Élysées.

Curiosidade: Na Praça da Concórdia existe o obelisco egípcio de Luxor, que mede cerca de 23 metros de altura, pesa 227 toneladas e tem 3300 anos! Ele foi transportado para a França em 1836, oferecido pelo Egito em reconhecimento ao papel do francês Champollion, primeiro tradutor dos hieróglifos.

  1. Montmartre

Este slideshow necessita de JavaScript.

Montmartre é um quarteirão ao norte de Paris que oferece o ponto de maior altitude da capital. A vista é única e de tirar o fôlego. Ok, o fôlego vai embora também por causa dos vários degraus que você deve enfrentar para chegar ao topo. Além de aproveitar a vista, aproveite para conhecer a Basílica de Sacré Coeur, que também vale a visita.

Curiosidade: A região de Montmartre foi imortalizada pelo filme da Amélie Poulain. É uma das regiões mais bucólicas e charmosas da cidade por causa de suas ruazinhas arborizadas, seus pintores de rua, seus cafés e cabarés.

  1. Basílica de Sacré Coeur

Este slideshow necessita de JavaScript.

A Basílica de Sacré Coeur (Sagrado Coração, em português) é um dos monumentos mais visitados da França. Além de linda por dentro e por fora, suas escadarias oferecem música a céu aberto com artistas de rua. O mais comum de se ver por lá e um senhor tocando arpa!

Curiosidade: A Basílica de Sacré Coeur permanece branca, mesmo com chuvas e poluição, por ter sido construída de mármore travertino, que constantemente libera cálcio. Na sua torre, existe um sino de três metros de diâmetro que pesa mais de 26 toneladas!

  1. Les Grands Magasins

Este slideshow necessita de JavaScript.

As “grandes lojas” de Paris, em português. É um orgulho parisiense possuir as lojas mais belas do mundo, onde visitantes podem vislumbrar as últimas tendências fashion, degustar pratos em restaurantes gourmets, ou até mesmo curtir desfiles de moda. Galeria Lafayette e Pritemps são duas das lojas que você deve conhecer ao ir a Paris para sentir o glamour das melhores marcas, desde Hermes e Chanel até Dior. Mesmo que você esteja economizando ou mochilando, a visita às grandes lojas de Paris vale a pena por sua arquitetura emblemática, interiores caprichosos e domas de tirar o fôlego.

Curiosidade: Todas as lojas foram construídas em grandes eixos das grandes avenidas da cidade (“Les Grands Boulevards” ou “Avenues”) e, de acordo com as regras de Urbanismo da cidade, suas alturas são relativas à largura das ruas em que são construídas.


E aí, tá curtindo os 21 lugares inesquecíveis de Paris?

Então clique aqui para dar uma olhada na segunda parte da lista!

Explore mais: Saiba onde comer barato em Paris


Compartilhe com seus amigos e deixe nos comentários a sua opinião!

Lembre-se que o DDN está aberto a críticas e sugestões via Facebook, comentários e através do nosso contato direto.

Nós estamos sempre atualizados com as melhores dicas para viajar barato! Coloque seu nome e e-mail abaixo para receber gratuitamente novas publicações do Diário de Navegador em sua caixa de entrada! 😀

Não vai ficar fora dessa, né?

2 Replies to “21 lugares inesquecíveis de Paris – Parte 1”

Compartilhe suas ideias