21 lugares inesquecíveis de Paris – Parte 2

Navegador, existem vários lugares inesquecíveis de Paris que você precisa pensar em conhecer quando estiver por lá.

Você já viu a primeira parte da nossa lista? É só clicar aqui!

Confira a continuação abaixo. 😉

Para saber como chegar em cada um desses lugares e os seus horários de funcionamento, é só clicar aqui! (em breve)
Quer saber dicas de roteiro para Paris? É só clicar aqui! (em breve)

  1. Museu do Louvre

Este slideshow necessita de JavaScript.

O Museu do Louvre (Musée Du Louvre, em francês) é um dos mais belos museus do mundo, com sua esplêndida arquitetura em formato de pirâmide. Foi inaugurado em 1793 com uma exposição de 537 pinturas e outros 184 trabalhos artísticos. Desde então, se tornou o maior museu de arte deste mundão e, caso não queira perder horas em sua fila de entrada, é melhor reservar seus bilhetes de acesso com antecedência.

Curiosidade: As edificações do Museu foram construídas como uma fortaleza em 1190, no reinado de Filipe II, contra invasões vikings. Foi residência oficial da monarquia francesa até o reinado de Luís XIV (em 1682) e começou a sua transformação em museu em 1692.

Saiba mais: Localização e horários de pontos turísticos em Paris (em breve)

  1. Arco do Triunfo do Carrossel

Este slideshow necessita de JavaScript.

O Arc de Triomphe du Carrousel, em francês, é um monumento de 1809, construído por Napoleão Bonaparte. Ele está à oeste do Museu do Louvre, na Praça do Carrossel. Foi edificado em homenagem ao Grande Exército de Napoleão, inspirado pelo arco romano Arco di Settimio Severo. O Arco do Triunfo do Carrossel tem uma escultura linda como coroa, a quadriga, que possui uma história muito interessante!

Curiosidade: A quadriga foi levada de Veneza para Paris por Napoleão Bonaparte em 1798, como um “troféu”. Posteriormente, em 1815, a quadriga voltou para Veneza e hoje se encontra na Basílica de São Marcos. A escultura sobre o Arco em Paris é uma linda réplica.

  1. Ponte Alexandre III

Este slideshow necessita de JavaScript.

A Ponte Alexandre III é uma ponte em arco que atravessa o rio Sena em Paris. É considerada uma das pontes mais ornamentadas e extravagantes de Paris. Foi construída entre 1896 e 1900.

Curiosidade: A ponte ALexandre III está presente em vários filmes e vídeos, como o filme Anastásia e o vídeo Someone Like You, da Adele.

  1. Jardins de Luxemburgo

Este slideshow necessita de JavaScript.

Paris possui vários parques lindos, bem arborizados e com jardins de tirar o fôlego.  O Jardin du Luxembourg, como é chamado em francês, é o segundo maior parque da cidade e forte candidato ao mais lindo. É o jardim do Senado Francês, que se localiza dentro do Palácio de Luxemburgo. Em tempos de calor, lembre-se de levar roupa de banho para as crianças e uma boa cesta de piquenique: o parque possui pequenos espaços com água para crianças brincarem e grandes gramados para relaxar.

Curiosidade: Existe a divertida lenda de um fantasma que anda pelo Jardim de Luxemburgo. A estória diz que em 1925 um estudante chamado Jean Romier foi convidado aleatoriamente na rua por Alphonse Berruyer a assistir a um concerto a céu aberto. Após o concerto, Jean percebeu que havia esquecido seu isqueiro com Berruyer e, ao procurar pelo homem onde ele disse que morava, um vizinho disse que Berruyer havia morrido há vinte anos. Surpreendentemente, o isqueiro foi realmente encontrado dentro da casa de Berruyer.

  1. Quartier Latin

Este slideshow necessita de JavaScript.

O Quartier Latin é conhecido justamente pelo seu ambiente animado e muitos bistrôs, e por ter reunido muitos artistas e escritores em sua história. Apesar de ser bem turista, o bairro oferece uma atmosfera tipicamente francesa. Vale a pena conhecer o local!

Curiosidade: O Bairro Latino (em português) tem esse nome porque a língua latina foi amplamente falada na região, principalmente por causa da Universidade de Sorbonne.

Explore mais: Saiba onde comer barato em Paris

  1. Catacumbas de Paris

Este slideshow necessita de JavaScript.

As famosas Catacumbas de Paris consistem em um ossuário subterrâneo que começou a ser planejado em 1785. Na verdade, elas fazem parte de um complexo sistema de túneis de explorações mineradoras que chegam a 400 km de extensão. Foram criadas para aliviar os cemitérios sobrecarregados de matéria orgânica em decomposição. As primeiras ossadas foram transferidas para lá em 1786 e hoje estima-se que 5 a 7 milhões de pessoas compõem o total delas.

Curiosidade: Inicialmente, as ossadas foram jogadas de qualquer modo nas catacumbas. Somente na época do Império francês (a partir de 1810), que elas foram dispostas nos corredores das Catacumbas com certa criatividade artística.

  1. Moulin Rouge

Este slideshow necessita de JavaScript.

Talvez você não saiba, mas Moulin Rouge é o mais famoso cabaré do planeta, construído em 1889. Seu clássico moinho vermelho ainda ilumina o bairro Pigalle, marcado pelo cancan que dita o ritmo da casa. Jantar enquanto a orquestra coloca todo mundo pra dançar em uma festa cintilante é mais do que um programa pro final de semana, é uma experiência para a vida!

Curiosidade: O Moulin Rouge, em seus mais de 120 anos, recebe cerca de 600 mil espectadores anuais e mantém uma impressionante taxa de ocupação de 97%. São 240 mil champagnes consumidas por ano, com 2 espetáculos por noite, 7 dias por semana.

  1. Museu de Orsay

Este slideshow necessita de JavaScript.

As coleções do musée d’Orsay apresentam principalmente pinturas e esculturas da arte ocidental dos anos entre 1848 e 1914. O edifício foi construído inicialmente como uma estação ferroviária, inaugurada em 1898. Em 1977, o Governo francês decidiu transformar o espaço num museu. A arquitetura vitoriana clássica do lugar é maravilhosa, característica também de vários outros prédios franceses.

Curiosidade: Entre outras, estão lá as obras de Van Gogh, Susana, Degas, Maurice Denis, Odilon Redon, etc.

  1. Panteão de Paris

Este slideshow necessita de JavaScript.

O Panteão de Paris é um monumento em estilo neoclássico em forma de cruz que impressiona pela reprodução da pureza e magnificência gregas. É coroado por uma cúpula de 83 metros de altura e seu interior é lindo, decorado com pinturas acadêmicas. Sua construção se iniciou em 1764 e foi inaugurado em 1790.

Curiosidade: Na cripta do Panteão se encontram sepulturas de nomes notáveis, como Alexandre Dumas, Jean-Jacques Rousseau, Voltaire, Victor Hugo, René Descartes, etc.

  1. Torre Montparnasse

Este slideshow necessita de JavaScript.

A Torre de Montparnasse é um arranha-céu de 210 metros de altura. Foi o maior prédio de Paris até 2011, mas ainda hoje oferece uma vista espetacular da cidade. Apesar de alguns franceses não gostarem dela, com certeza a vista da Torre Eiffel no horizonte francês que temos ao subir nela deve ser valorizada! Com certeza é um dos grandes pontos de Paris para se assistir ao pôr-do-sol.

Curiosidade: A Torre de Montparnasse é o único arranha-céu de Paris!


E aí, essa lista foi útil para você? Compartilhe com seus amigos e deixe nos comentários a sua opinião!

Lembre-se que o DDN está aberto a críticas e sugestões via Facebook, comentários e através do nosso contato direto.

Nós estamos sempre atualizados com as melhores dicas para viajar barato! Coloque seu nome e e-mail abaixo para receber gratuitamente novas publicações do Diário de Navegador em sua caixa de entrada! 😀

Não vai ficar fora dessa, né?

Compartilhe suas ideias