Kutná Hora: visita ao Ossuário de Sedlec

Situada a 80 km de Praga, Kutná Hora é uma cidade de 75 mil habitantes. Tem ganhado espaço como atração turística, recebe mais de 200 mil visitantes todo ano! Isso especialmente devido à sua proximidade com Praga e seus curiosos pontos turísticos. O mais famoso deles, sem dúvida, é o ossuário de Sedlec. Mas o que faz esse lugar valer a sua visita?

Ossários ou ossuários são depósitos de ossos humanos ou de outros animais. Podem seguir alguma tradição ou rito funerário. O Ossuário de Sedlec é um dos mais famosos do mundo! Apesar de ocupar uma pequena área, possui ossadas de mais de 40 mil pessoas.

Ossuario de Sedlec Kutna Hora Praga Republica Tcheca 2

No século XVI, a cidade de Kutná Hora tinha uma rixa com Praga, em que ambas disputavam o título de cidade mais importante do país. Kutná Hora era uma cidade muito importante pela quantidade de prata que estava sendo encontrada na região – cerca de um terço de toda a prata européia. Hoje sabemos que Praga ganhou essa disputa. Mas Kutná Hora não saiu perdendo. Hoje é considerada Patrimônio da Humanidade pela UNESCO e mesmo sem prata, possui um turismo respeitável.

Foi nesta época que um abade fez uma visita a Jerusalém. Ele levou um pouco de areia de volta para Kutná Hora e a jogou no Cemitério de Todos os Santos. A noticia de “lugar abençoado” foi se espalhando e as pessoas começaram a desejar serem sepultadas ali. Logo, foi construída uma igreja dentro do cemitério. Dentro dela, foi feita uma capela subterrânea para guardar as ossadas.

Foi ai então que a família Schwarzenberg comprou o terreno e contratou um artista, chamado František Rint, para decorar a capela com as ossadas humanas. Ele então teve a ideia de usar pelo menos um de cada osso humano para fazer o lustre.

Ossuario de Sedlec Kutna Hora Praga Republica Tcheca 3

Brasão da família Schwarzenberg feito de ossos humanos.

Ossuario de Sedlec Kutna Hora Praga Republica Tcheca 5

Lustre feito com pelo menos um de cada osso do corpo humano.

O que visitar em Kutná Hora

Além do Ossuário de Sedlec, a cidade possui outras atrações que merecem o seu tempo. A igreja de Santa Bárbara (Chrám Svaté Barbory), por exemplo. É uma das igrejas góticas mais famosas da Europa e também é Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. A igreja começou a ser construída em 1388, mas só foi finalizada em 1905 devido a algumas pausas – algumas envolvendo o fim da prata na região. Além disso, vale visitar a Corte Italiana. Este é o local onde se cunhavam as moedas de prata e ainda é possível visitar sua capela.

Como visitar o Ossuário de Sedlec a partir de Praga

Para quem pretende visitar apenas o Ossuário de Sedlec, o passeio dura meio dia: basta pegar o trem na Estação Central de Praga (Hlavní nádrazí) em direção à Kutná Hora Sedlec. O trem para exatamente no rumo da igreja, basta andar um pouquinho pra dentro da cidade.

A entrada no Ossuário custa 90 CZK. Confira o preço no site oficial.

Preste bastante atenção para não descer na Estação Central de Kutná Hora (Kutná Hora Mesto), ou terá que pegar outro trem para voltar – a estação Kutná Hora Sedlec é antes da Central. Para voltar, basta fazer o caminho inverso na mesma estação que desceu em Kutná Hora.

Ossuario de Sedlec Kutna Hora Praga Republica Tcheca 6

Para quem pretende visitar as demais atrações de Kutná Hora (o passeio pode durar o dia todo): a estação de trem fica próxima ao ossuário. Então uma dica pegar o trem na estação Hlavní nádrazí em Praga e descer na estação Kutná Hora Sedlec e já conhecer o Ossuário de Sedlec. A partir daí pode conhecer o restante da cidade – dá para fazer a pé. Depois retornar pela Estação Central de Kutná Hora (Kutná Hora Mesto).

Os bilhetes podem ser comprados antecipadamente ou dentro do trem por aproximadamente 106 CZK. O preço pode variar, então sempre vale a pena conferir no site da empresa. Mesmo subindo o preço, ainda é um passeio barato e com ótimo custo-benefício.

Existem tours a partir de Praga que fazem este passeio. Mas para quem não se importa de explorar um pouquinho, visitar Kutná Hora por conta própria é bem fácil e sai muito mais barato.

Para saber mais sobre o que fazer em Praga e nas proximidades, clique aqui.


E aí, curtiu? Compartilhe com seus amigos!

Lembre-se que o DDN está aberto a críticas e sugestões via Facebook, comentários e através do nosso contato direto.

Nós estamos sempre atualizados com as melhores dicas para viajar barato! Receba gratuitamente novas publicações do Diário de Navegador por e-mail! 😀

Não vai ficar fora dessa, né?

Compartilhe suas ideias